Surt - O Senhor dos Gigantes de Fogo

08/06/2018


Surtur, Surtr ou ainda Surt (Antigo Nórdico "Negro" ou "Aquele moreno"), é o jötuder dos gigantes de fogo do Muspelheim. Surt é citado na Edda poética, compilada no século 13 a partir de fontes tradicionais mais adiantadas, e na Prosa Edda, escrita no século 13 por Snorri Sturluson. Em ambas as fontes, Surt é anunciado como sendo uma figura importante durante os eventos do Ragnarök, carregando sua espada brilhante, ele irá para a batalha contra os Aesir, tendo um confronto com o grande deus Freyr, e depois as chamas que ele traz vão engolir a Terra. 

É O assassino de dois irmãos de Odin, Vili e Ve, E certamente deve ser considerado tanto o maior inimigo de Odin quanto de Asgard. Surt é o senhor dos gigantes do fogo, ele governa Muspelheim o reino do fogo, ele não tem nenhuma importância significativa na mitologia nórdica, apenas no fim dos tempos (Ragnarok), evento que será causado por ele ao destruir todos os reinos, esta revelação foi feita pelo próprio gigante de fogo quando Odin e seus irmãos viajaram até Musphelheim. Surt declarou que era seu destino destruir Asgard através da combinação da sua Espada Crepúsculo e a Chama Eterna, como parte do ciclo eterno de destruição e renascimento conhecido como Ragnarök.

Para prevenir que isto acontecesse, os 3 irmãos asgardianos quebraram a espada de Surtur, mas apenas Odin sobreviveria a este ataque.


Durante o Ragnarok Surt matará o deus Freyr que estará desarmado, enquanto sua tropa de gigantes de fogo marcham para o norte, para aniquilar os deuses. Um classe importante dos gigantes eram os Gigantes de Fogo, que residiam em Musphelhein, o mundo do calor e do fogo, governado pelo gigante Surt ("o escuro") e por sua rainha, Sinmore. Fornjót, a encarnação do fogo, era outro gigante desta classe. O papel principal dos Gigantes de Fogo na mitologia nórdica é conduzir a destruição final do mundo ao colocar fogo na árvore Yggdrasil, durante o final dos tempos, Ragnarok, quando os gigantes de Jotunheim e as forças de Helheim lançarão um ataque aos deuses, matando a todos, com exceção de alguns deles. Um mundo novo se levantará após este evento, onde os gigantes não existirão mais.

Durante o ciclo do mito pagão nórdico, Surt permanece nas fronteiras do reino de fogo Muspelheim, onde ele e todos os seus filhos vivem. Eles não têm grandes conflitos com os deuses como os gigantes de gelo, e os gigantes de fogo tentam manter-se inativos até que o tempo do Ragnarok chegue. Durante o Ragnarok (uma espécie de versão Viking do Armagedom), Surt e seus gigantes de fogo irão se juntar aos gigantes de gelo, bem como o grande lobo Fenrir e seu irmão mais velho Jormundgand, a Serpente do Mundo, juntamente com o seu pai Loki, em uma batalha contra os Aesir e Vanir . Muitos deuses morrerão, e Surt estará destinado a lutar contra o desarmado deus Freyr antes do fogo de Muspelheim varrer a terra e deixá-la limpa e pronta para um novo ciclo de vida. 

Os Poderes de Surt

Um gigante com um poder vastíssimo, Surt é fogo encarnado. Um dos seres mais poderosos da mitologia nórdica, o líder de Musphelheim tem mais de 300 metros de altura e sua força tem poucos rivais no universo.

Surt é considerado um ser imortal e quase invulnerável, tendo ainda a capacidade de se desmaterializar e transformar partes do seu corpo em outras formas. Com uma inteligência superior, o demônio tem o dom da levitação e das viagens interdimensionais.

Um guerreiro extraordinário, Surt possui a Espada do Crepúsculo, uma arma de um metal desconhecido que é dotada de vastos poderes mágicos. Quando esta espada é iluminada com a Chama Eterna, Surt anuncia a chegada do Ragnarök a todos os reinos, simbolizando assim o fim dos tempos.

De acordo com a profecia Surt durante o ragnarok queimará todos os mundos com sua espada, apenas a floresta de Hodmimir não será queimada, pois é o único lugar que sua espada é incapaz de queimar ou destruir, de lá sobreviveram vários humanos durante o Ragnarok.

Originário de um reino em chamas

O demônio de fogo tem uma origem mergulhada em mistério, sendo poucos os detalhes que se sabem sobre a criatura. Surt é nativo de Musphelheim, um reino de fogo eterno e visualmente muito semelhante ao Inferno cristão. Esta dimensão é o lar dos demônios de fogo e está coberta de lagos de lava, vulcões e poços de chamas gigantes.

Musphelheim é liderado por Surt, não se sabendo quando o demônio conquistou o poder. Dos poucos detalhes que se sabem sobre este demônio poderoso é de que sua existência é anterior ao próprio Odin.


Fontes : Aficionados, Blog dos Contos, Mythology & Culture