O Imperador de Jade (玉帝 )

09/06/2018

O Imperador de Jade, na tradição taoista da China, é o Soberano do Céu, amplamente conhecido como Imperador Celeste. Ele também é chamado de Yuhuang, Yudi, Yuhuand Dadi, Puro Augusto Imperador de Jade e Avô Celestial, dentre outros diversos nomes que abrangem praticamente tudo. Isso porque o Imperador de Jade governa o céu e toda a existência abaixo dele.

Seu pai era o Rei do Reino de Pura Felicidade e das Elevadas e Majestosas Luzes e Ornamentos Celestes; e sua mãe era a Imperatriz do Precioso Luar, seu nascimento ocorreu no nono dia do primeiro mês do calendário luni-solar chinês.

Seu nascimento foi marcado por uma luz maravilhosa, que emanou da criança e preencheu todoo reino. Dizem que ele dedicou a sua juventude a ajudar os necessitados e a mostrar respeito às pessoas e aos animais. Quando ele ascendeu ao trono de seu pai, conta-se que o reino se encheu de paz e de contentamento.

De acordo com um mito, o Imperador de Jade cultivou o Tao em um lugar chamado Brilhante e Perfumado Penhasco. Ele o cultivou por 1550 kalpas, palavra sânscrita para aeon, conquistando, assim, a Imortalidade de Ouro. Levou ainda mais cem milhões de anos até que Yuhuang alcançasse o título de Imperador de Jade (para os chineses, o jade possui um grande significado filosófico, e vale mais do que o ouro, o que será objeto de um futuro post).

O Imperador de Jade governa todos os Céus, que somam ao todo trinta. Outra versão da lenda de seu título conta que Yuan-shi-tian-zun, o Divino Mestre da Origem Celestial, o Venerável Celestial do Princípio Primordial e o primeiro Imperador Celeste, escolheu Yuhuang como seu sucessor após este ter sido seu assistente. Conta ainda que este será algum dia sucedido pelo Mestre Celestial da Aurora de Jade do Portão de Ouro.

Como governante dos Céus, da Terra e do Inferno, o Imperador de Jade também é tido como o deus da burocracia. A ordem do Céu se reflete na Terra, que é levada a efeito por vários servos seus, divindades menores.

Devido à proximidade com o seu aniversário, o Ano Novo Chinês também é um dos seus dias de adoração. Neste dia, incenso é queimado nas casas, e oferendas de comidas são feitas ao Imperador de Jade e a Zao Jun, um de seus muitos servos e deus da cozinha, que reporta ao Imperador as realizações e fracassos de cada família, para que o primeiro determine qual será a recompensa a ser dada a elas.






Fontes : Aoikuwan, Mitologia Chinesa